Nesta quinta (5), por volta das 6 horas, na BR-487, em Alto Paraíso (PR), agentes da PRF deram ordem de parada a um veículo Ford Edge, com placas de Toledo (PR), porém o condutor, um homem de 29 anos de idade, empreendeu fuga em alta velocidade, realizando diversas ultrapassagens em local proibido colocando em risco sua vida e a de terceiros.

Somente após oito quilômetros de acompanhamento tático, o motorista perdeu o controle da direção, saiu de pista e capotou o veículo.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Desta forma, os policiais verificaram que no veículo havia uma grande quantidade de fardos de maconha, totalizando 305,4 quilos da droga. Imediatamente foi dado voz de prisão ao condutor, que necessitou de atendimento médico por parte do SAMU sendo removido a unidade hospitalar.

Além disso, verificou-se que o veículo ostentava placas clonadas e após identificação veicular constatou-se tratar de outro veículo oriundo do Rio Grande do Sul, do mesmo modelo, que possuía restrição judicial.

Diante das informações obtidas, o motorista, a droga e o carro foram encaminhados para a Polícia Civil em Xambrê para o registro dos crimes de tráfico de drogas, adulteração de sinal identificador de veículo automotor e direção perigosa.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) iniciou no dia 30 de maio, a Operação Flagellum, nos estados do Paraná e Mato Grosso do Sul, reforçando as ações de enfrentamento nas rodovias federais e atuando de forma estratégica no combate ao crime organizado. Ocupando posições geográficas estratégicas na América do Sul, esses estados fazem fronteira com Paraguai e Bolívia, países reconhecidamente responsáveis pela fabricação e fornecimento de drogas para Brasil e outros países do mundo.

Portal Guaíra com informações da PRF.