Um homem morreu e uma mulher ficou feridas após serem esfaqueados em um quarto de um motel em Londrina, no norte do Paraná, no domingo (13).

De acordo com a Polícia Militar (PM), o casal foi encontrado caído na cama com ferimentos graves. Os dois estavam com sinais vitais, mas quando as equipes dos Bombeiros e do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegaram ao local, o homem não resistiu e morreu dentro da ambulância.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

A mulher foi socorrida e levada em estado grave ao hospital Santa Casa de Londrina.

Durante o atendimento às vítimas, os policiais escutaram gritos dentro do motel e, durante uma varredura, encontraram o suspeito dos crimes escondido em um corredor que dá acesso aos quartos.

Com o homem os policiais encontraram a faca utilizada para agredir o casal.

Ainda no motel, a mulher contou à PM que ela e o companheiro conheceram o agressor de forma casual em um ponto de venda de drogas.

Segundo a vítima, o autor das facadas pediu que o casal comprassem drogas para os três e propôs que eles usassem o entorpecentes em um motel e praticassem relação sexual no local, o que, segundo ela, foi consentido pelos três. A mulher ainda informou que os três usaram crack e cocaína no sábado (12).

Já o suspeito disse aos policiais que foi sequestrado pelo casal e, em determinado momento da madrugada, enquanto o homem e a mulher dormiam, buscou uma faca em um veículo e desferiu vários golpes contra os dois. O homem disse que fez isso para se libertar do sequestro.

O suspeito foi levado pelo Samu à Unidade de Pronto Atendimento do Jardim do Sol. Segundo a polícia, ele segue internado no local sob escolta policial.

Portal Guaíra com informações do G1