o rapaz foi preso em território brasileiro e entregue a polícia paraguaia (foto: César Galeano Repórter)

Um paraguaio de 25 anos de idade, que tinha contra si, mandado de prisão expedido pela Justiça de seu País, devido à prática de um homicídio em maio do ano passado, na cidade de Salto Del Guairá, foi capturado na tarde de segunda-feira (16), por uma equipe do Terceiro Pelotão da Polícia Militar de Mundo Novo e em seguida, entregue aos cuidados de uma equipe da Polícia Nacional Paraguaia.

O trabalho conjunto desenvolvido entre a Polícia Militar de Mundo Novo e a Polícia Nacional do Paraguai, através de sua seccional de Salto Del Guairá, que é capital do Departamento (Estado) de Canendeyú, possibilitou o monitoramento do indivíduo, que tem parentes dos dois lados da fronteira e vivia escondido, pois além de ter praticado um homicídio em maio do ano passado, o que motivou seu pedido de prisão.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Pesa contra ele ainda a suspeita de que tenha participado de um latrocínio (roubo seguido de morte) no mês de dezembro, em território paraguaio e que vitimou a comerciante brasileira Neusa Muntoreanu, que tinha loja em um Shopping, e que residia na cidade de Guaíra/PR.

Leia também:
Paraguai – Guairense é assassinada em Salto del Guairá

O rapaz já se envolveu em roubos a motocicletas em Mundo Novo, tendo inclusive trocado tiros com a Polícia Militar, sendo alvejado no ombro esquerdo, além de há alguns anos, foi apontado com envolvido na morte de um casal na BR 163, para poder roubar a motocicleta.

Uma equipe da Polícia Paraguai tentou efetuar a prisão dentro do País Vizinho, porém ele empreendeu fuga rumo ao lado brasileiro da Linha Internacional, mas os militares mundonovenses que haviam sido comunicados do fato pelos paraguaios, através de um aplicativo de celular, fizeram a captura na faixa de fronteira e o entregaram as autoridades paraguaias, sendo o mesmo de imediato levado à cadeia pública de Salto Del Guairá.

o rapaz foi preso em território brasileiro e entregue a polícia paraguaia (foto: César Galeano Repórter)
O rapaz foi preso em território brasileiro e entregue a polícia paraguaia (foto: César Galeano Repórter)

Portal Guaíra com informações da PM/Mundo Novo
Foto: César Galeano Repórter