ad

[dropcap color=”#dd9933″]U[/dropcap]m jovem goleiro morreu após receber uma bolada no abdômen durante uma partida sub-18 de um time que disputa a terceira divisão do Campeonato Paraguaio.

Bruno Isaias Cañete, de 17 anos e jogador do Sport Colombia, da cidade de Fernando de la Mora, vizinha de Assunção, morreu na última sexta-feira (23), momentos depois da pancada da bola. O lance aconteceu na partida contra o Cerro Corá, na zona leste da capital paraguaia.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

De acordo com o técnico Alex Quinta, logo depois do impacto da bola no estômago, ele caiu. Segundos depois, se levantou, mas voltou a cair no gramado.

Ele também lamentou por não ter nenhuma ambulância ou médico no campo do Sport Colombia.

A equipe técnica tentou reanimá-lo junto com o pai dele. Uma viatura do Corpo de Bombeiros chegou 40 minutos depois do incidente.

Bruno chegou sem sinais de vida ao hospital. A informação de que ele teria morrido antes mesmo de chegar ao ambulatório foi confirmada pela médica plantonista do Hospital Materno Infantil de Fernando de la Mora, para onde ele foi levado.

Segundo a agência Associated Press (AP), o pai informou que a promotoria local ordenou uma autópsia para descobrir a causa do falecimento do garoto.

Depois da morte de Bruno, o técnico e outros jogadores criticaram demais a diretoria do Sport Colombia. De acordo com eles, o clube nunca dá importância, sempre é pedido ajuda, mas o clube tive que fazer vaquinha e, graças ao técnico, conseguiram ter água para esse jogo.

Portal Guaíra com informações do EsporteFera