Um avião militar com 92 pessoas a bordo, incluindo três pilotos e cinco tripulantes, caiu neste domingo (4) no sul das Filipinas. As informações foram divulgadas pelo chefe das Forças Armadas. Pelo menos 45 pessoas morreram e outras dezenas ficaram feridas. Equipes de resgate estão no local.

O avião era uma aeronave Lockheed C-130 e ele quebrou após uma tentativa de pouso na Ilha de Joló, na província de Sulu, informou a Força Aérea em um comunicado. Alguns soldados foram vistos saltando do avião antes que ele atingisse o solo e explodisse.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

O acidente já é considerado um dos mais mortíferos da história do país. “É um dia triste, mas temos que manter a esperança”, afirmou o general William Gonzales.

A maioria dos passageiros tinham se formado recentemente no treinamento militar básico e estavam sendo enviados para a ilha como parte de uma força conjunta que lutava contra grupos armados nesta região de maioria muçulmana.

O porta-voz da Aeronáutica, o tenente-coronel Maynard Mariano, disse que as causas do acidente serão investigadas. “Agora estamos dedicados às tarefas de resgate”, disse Mariano.

Portal Guaíra com informações da TV Cultura