Avião bimotor caiu em lagoa pero do aeroporto de Punta del Este, no Uruguai(AFP/AFP)

Um avião bimotor com dez pessoas a bordo caiu na noite de ontem (19), pouco depois de decolar do aeroporto de Punta del Este, no Uruguai, com destino a Buenos Aires. Sete corpos foram avistados no interior da aeronave e os outros três ocupantes estão desaparecidos. A Força Aérea uruguaia descartou que existam sobreviventes.

O bimotor turboélice de fabricação americana Beechfraft King Air B90 caiu em uma lagoa próxima ao aeroporto e pegou fogo. Oito passageiros e dois tripulantes viajavam no avião. “Conseguimos acessar a fuselagem da aeronave e foram localizados sete corpos que estão visíveis”, detalhou o porta-voz dos bombeiros, Leandro Palomeque, acrescentando que as chamas já foram extintas. Segundo o oficial da Força Aérea Gregorio de los Santos, das pessoas a bordo nove tinham nacionalidade argentina e uma, portuguesa.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Os bombeiros usam barcos para chegar ao local da queda, mas se mantêm a uma “distância prudente” da aeronave devido às altas temperaturas na fuselagem e à presença de combustível líquido ao redor. A falta de luminosidade também atrapalha os trabalhos de resgate. Por causa disso, a remoção dos corpos já localizados será feita de manhã desta sexta (20) com luz natural. As buscas pelos desaparecidos, porém, continuou durante toda a noite.

Segundo testemunhas, o bimotor “decolou normalmente” do aeroporto, mas logo depois a torre de controle perdeu contato e observou “fogo no norte da pista”. A imprensa uruguaia relata que os passageiros são integrantes de uma empresa argentina que participa de um projeto de construção em Punta del Este.

Avião bimotor caiu em lagoa pero do aeroporto de Punta del Este, no Uruguai(AFP/AFP)
Avião bimotor caiu em lagoa pero do aeroporto de Punta del Este, no Uruguai (AFP/AFP)

Portal Guaíra com informações da Veja