(Foto: Gilberto Eberhardt/Divulgação)

O produtor rural Gilberto Eberhardt estava fazendo reparos no açude da propriedade em Lucas do Rio Verde (MT), no último fim de semana, quando se deparou com uma cena triste: um gigante pirarucu de mais de 2 metros de comprimento apareceu morto, na superfície da água.

Segundo ele, o peixe foi um dos dois exemplares colocado no açude 14 anos atrás. Eberhardt conta que o bichão, tratado com muito carinho, era uma das atrações da propriedade. Um verdadeiro “pirarucu de estimação”.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

“Eu não sei se ele engasgou com algum pintado, porque não deu para ver dentro da barriga dele, mas pode ter furado porque escureceu a barrigada”, questiona o produtor.

Uma vez fora d’água, foi possível ter a verdadeira dimensão do pirarucu: 2,28 metros e 120 quilos de peso. “Agora ficou o outro [exemplar], que dá a metade desse e deve ter uns 40 quilos”, afirma.

O gigante das águas vai permanecer como atração da propriedade, mesmo sem estar mais no açude. “Consegui tirar todo o couro e a cabeça, e vou ver se consigo empalhá-lo, porque ele é muito lindo e agora vai ficar na parede como um troféu”, disse Gilberto Eberhardt.

Portal Guaíra com informações do Canal Rural