Na manhã de hoje (9), quatro pessoas foram executadas à tiros por pistoleiros na MS-164, em Ponta Porã – cidade que fica distante a 323 quilômetros de Campo Grande, e faz divisa com o Paraguai. Segundo a PMR (Polícia Militar Rodoviária), foram identificadas quatro pessoas, três paraguaios e um brasileiro.

Cesar Dionel Villalba Diaz, 36 anos, Derlis Javier Villalba Diaz, 44 anos e Wilma Elizabeth Ruiz Lugo, 28 anos, são de nacionalidade paraguaia, já o brasileiro foi identificado por Milcaide Anibal Martines, 38 anos.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Segundo informações do Jornal da Nova, a polícia relatou que as vítimas seguiam pela MS-164 em um Fiat/Strada, cor azul, com placas do Paraguai, quando foram interceptadas por um Toyota/Hilux, de cor prata, onde os ocupantes dispararam com armas de grosso calibre, como pistolas 9mm e fuzis, contra o Fiat/Strada, os quatro morreram instantaneamente.

Durante a fuga, o condutor da Strada acabou batendo de frente com um veículo VW/Fox, de cor branca, com placas de Jardim. Devido a gravidade da colisão, a motorista teve que ser encaminhada para o Hospital Regional de Ponta Porã, o seu estado de saúde é considerado grave.

Após a colisão, os pistoleiros desceram do veículo e ainda terminaram a execução. O local do crime foi isolado para os trabalhos de investigação da Polícia Civil e Núcleo de Perícias. Com as vítimas, os policiais encontraram duas pistolas calibres 9mm e certa quantia em dinheiro.

A polícia não descarta que seja um acerto de contas do tráfico de drogas. “Muitas pessoas que passavam pela rodovia no momento da ação criminosa, ficaram assustadas com a situação, parecia coisa de filme”, contou um policial.

MS-QUATRO-PESSOAS-SAO-EXECUTADAS-EM-PONTA-PORA-UMA-DELAS-BRASILEIRA

MS-QUATRO-PESSOAS-SAO-EXECUTADAS-EM-PONTA-PORA-UMA-DELAS-BRASILEIRA-2

MS-QUATRO-PESSOAS-SAO-EXECUTADAS-EM-PONTA-PORA-UMA-DELAS-BRASILEIRA-3

MS-QUATRO-PESSOAS-SAO-EXECUTADAS-EM-PONTA-PORA-UMA-DELAS-BRASILEIRA-4

Portal Guaíra com informações do Campo Grande News
Fotos: Jornal da Nova