Após uma troca de tiros ocorrida a poucos metros da linha divisória do Brasil com o Paraguai, Policiais Militares lotados no Terceiro Pelotão de Mundo Novo, conseguiram prender em flagrante na manhã de quinta-feira (24), uma dupla de ladrões de origem paranaense, que estava refugiada em território paraguaio e praticavam roubos em Mato Grosso do Sul.

Os dois homens, um de 30 anos de idade, que tem contra si, mandado de prisão da Justiça Paranaense devido a prática de roubo; e seu comparsa de 19 anos, portando um revolver calibre 38, municiado com seis projéteis.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Por volta das 06h, invadiram a casa de um funcionário público estadual e se apossaram de dois celulares de marcas famosas, um tablet, um vídeo-game de última geração, máquina digital, discos de jogos e certa quantia em dinheiro.

Ladrões 003

Em seguida, eles determinaram que o dono da casa, de 62 anos de idade, sua esposa de 45 e seu filho de 25, adentrassem o carro da família, um GM/Cruze LTZ 2012 e  seguissem com eles e os produtos do roubo rumo ao Paraguai.

O filho mais jovem do casal, um garoto de 14 anos, tomava banho para ir até a escola e não teve sua presença notada pelos marginais. Tão logo o veículo se retirou, o jovem foi correndo até o Pelotão da PM, que fica distante uma quadra e avisou os policiais, que rapidamente se deslocaram para a região de fronteira com o Paraguai.

Quando notaram a presença dos militares, os meliantes abandonaram o carro com as vítimas e se embrenharam em um matagal, de onde efetuaram tiros em direção aos agentes, que revidaram, alvejando um deles na perna esquerda – que teve a parte inferior do membro estilhaçada por um disparo.

Neste momento, os bandidos se entregaram, sendo que o ferido foi conduzido de imediato, pelos próprios policiais, ao hospital Bezerra de Menezes em Mundo Novo, onde permanece internado, com escolta da PM. Seu comparsa,  foi conduzido para a Delegacia de Polícia juntamente com os pertences das vítimas, a arma e dez projéteis, dos quais dois deflagrados nos disparos contra os militares, além de uma pequena porção de maconha, que um deles trazia no bolso.

Ladrões 004

O meliante de 30 anos, que se diz membro de uma facção criminosa que surgiu nos presídios paulistas, afirmou que há alguns dias foi orientado por um conhecido  residente em Mundo Novo e que cumpre pena de prisão em Paranavaí/PR, a procurar seu comparsa de 19  anos, residente na cidade paraguaia de Salto Del Guairá para roubarem na região.

Eles foram reconhecidos por mais quatro vítimas de roubos recentes em Mundo Novo.

O bandido disse que inicialmente eles roubavam caminhonetes, mas como a Polícia Nacional Paraguaia estava devolvendo os veículos para a Polícia Militar de Mundo Novo, decidiram então agir no comércio e, no ultimo final de semana, roubaram dois hotéis em Mundo Novo, levando inclusive um Fiat Pálio, recuperado pela PM.

ASSALTANTES DE COMÉRCIO E VEÍCULOS 001

Portal Guaíra com informações da PM de Mundo Novo