Um bebê de um ano e dez meses foi abandonado no Hospital Universitário (HU), em Dourados, no Mato Grosso do Sul, logo após a internação.

A direção do hospital afirma que procura pelos pais da criança e encaminhou o caso para o Conselho Tutelar, Vara da Infância e Adolescência do município e a Polícia Civil.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Conforme o boletim de ocorrência, o menino nasceu com problemas de saúde e, na época, os tios ficaram com a guarda.

No entanto, na noite de segunda-feira (2) eles entraram em contato com o hospital e informaram para uma assistente social que precisaram cuidar da mãe, que estaria internada em outro hospital e, por isso, estavam “abrindo mão” da guarda da criança, deixando-a aos cuidados da equipe médica.

Até o momento, a investigação aponta que os pais não entraram em contato com o hospital. Eles moram no município de Guaíra, no Paraná.

No depoimento da assistente social, ela relata que a criança nasceu no HU e, em dezembro teve alta médica, ficando com os tios maternos. Já no dia 27 de janeiro deste ano ela voltou a ser internada com quadro grave de desnutrição e desidratação.

Desde então, havia o revezamento para cuidar da criança, quando os tios decidiram devolver a guarda e foram embora do hospital por volta das 20h.

O HU ressaltou que não possui profissionais para acompanhar o bebê, o que dificulta a recuperação. Mesmo assim, ele deve ter alta médica ainda esta semana.

Ao G1 o delegado Adilson Stiguivitis Lima, titular da 1ª Delegacia de Polícia, disse que o caso foi registrado como abandono de incapaz e maus-tratos e está sendo investigado.

As informações são do G1/MS