Mãe e filho furtaram peças de picanha em um supermercado de Poços de Caldas (MG), na segunda-feira (26). Segundo a mulher de 36 anos, eles furtaram as carnes para vender e, com o dinheiro, alugar uma casa na cidade. Ela foi presa e o filho, um adolescente de 14 anos, foi apreendido.

Segundo a Polícia Militar, o vigilante do supermercado contou que viu pela sala de monitoramento quando a mulher pegou algumas peças de carne na parte de frios. Ela dividiu os produtos com o filho e eles começaram a andar pelos corredores do mercado.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Durante o trajeto, eles foram colocando as peças de carne dentro de uma bolsa e, então, saíram do estabelecimento sem pagar. Os seguranças do supermercado abordaram os suspeitos na saída e os levaram até um local, onde mãe e filho aguardaram a chegada da Polícia Militar.

Segundo os agentes da polícia, a mulher contou que furtou as peças de picanha para vender e utilizar o dinheiro para alugar uma residência para ela e o filho. Dentro da bolsa, os policiais encontraram 18 peças de picanha lacradas, uma caixa de chocolate e uma lata de leite em pó.

A mulher e o filho foram encaminhados para a delegacia.

Portal Guaíra com informações do G1