ad

A mercedense Andressa Regina Eger, de apenas 23 anos, iniciou uma campanha para ajuda de custos de seu tratamento, para estacionar e reverter uma doença grave, rara e degenerativa que foi diagnosticada ao final de 2014.

A chamada Siringomielia, é uma cavidade dentro da medula espinhal que afeta todo o sistema nervoso, podendo chegar à invalidez permanente, com diminuição do tempo de vida do paciente, comprometimento grave da qualidade de vida e comprometimento neurológico.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Andressa, que é filha de Valmir e Sílvia Eger, está com a doença em progressão e depois de passar por muitos médicos, descobriu uma esperança para seu tratamento. Porém a cirurgia, que deve ser feita o quanto antes, é realizada apenas em Barcelona – Espanha, no Institut Chiari & Siringomielia & Escoliosis de Barcelona (http://institutchiaribcn.com/pt/)

A técnica realizada pelo Instituto é minimamente invasiva e já é feita há muitos anos, com riscos mínimos, que garante o estacionamento da doença. A melhora dos sintomas depende de cada paciente, mas o sucesso do tratamento é de 94%. Diferente de outros tratamentos sugeridos aqui no Brasil que poderiam deixá-la com sequelas irreparáveis, como por exemplo com paraplegia.

A cirurgia e os custos de internação em Barcelona custam atualmente 17.800 euros, com despesas de passagens aéreas, hotel, alimentação, medicamentos para o tratamento de 6 meses e demais gastos para 2 pessoas (é necessário levar um acompanhante), o total necessário para custear as despesas é em entre R$ 100.000,00 e R$ 120.000,00.

Andressa tentou durante 7 meses um processo judicial pelo Ministério Público para custear o tratamento fornecido em Barcelona, porém este foi recusado. Depois de buscar várias alternativas como vender bens para juntar o dinheiro, o que não seria o suficiente, a mercedense iniciou esta campanha para arrecadar o valor de seu tratamento.

Interessados em ajudar Andressa poderão acessar o seu site de doações, onde também terão mais informações de sua doença e seu tratamento, inclusive dos laudos médicos. (https://www.vakinha.com.br/vaquinha/ajude-a-andressa-a-vencer-a-siringomielia)

Também podem entrar em contato pelo e-mail [email protected]

Ajude nesta causa!

Portal Guaíra com informações do Ponto da Noticia