Um jovem de 24 anos se apresentou a Polícia Civil, em Maringá, e assumiu ter matado um homem de 32 anos a tiros, no último dia 14, véspera de feriado, na zona norte da cidade.

Segundo a Polícia, a arma usada para o crime foi um pistola 9mm de fabricação caseira. O suspeito alegou que vinha sofrendo ameaças de morte por parte da vítima.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Com medo de ser morto ele teria providenciado a arma e decidiu tirar a vida de seu desafeto. O crime aconteceu na Rua Rio das Várzea, próximo ao cruzamento com a Avenida Tuiuti, no Conjunto Branca Vieira, em Maringá.

De acordo com a Polícia, a vítima estava caminhando pela Rua, quando foi surpreendido e morto. O homem foi ouvido e liberado. O delegado que cuida do caso deve pedir a prisão preventiva do acusado.

Portal Guaíra com informações do Plantão Maringá