O corpo de um bebê de 3 meses que deu entrada sem vida na UPA de Marechal Rondon na terça-feira (27) foi necropsiado pela Policia Científica de Toledo.

Foi constatado que a menina morreu em decorrência de um traumatismo craniano.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Ela apresentava outros ferimentos pelo corpo, incluindo uma lesão na fase.

Após a morte da criança, a Polícia Civil de Marechal Cândido Rondon passou a investigar o caso, já que a mãe teria declarado que caiu com o bebê.

O delegado rondonense, Dr. Rodrigo Baptista Santos, confirmou que várias diligências foram desenvolvidas e que os pais da criança acabaram sendo presos em flagrante pelo crime de homicídio.

O delegado informou que no caso houve omissão e negligência e o bebê teria sofrido outras quedas.

Apesar das lesões, a criança não foi levada a tempo para atendimento médico e quando isso ocorreu, chegou na UPA de Marechal Rondon já sem vida.

O delegado Rodrigo Baptista Santos, disse que mesmo com a prisão dos pais, as investigações continuam e outras testemunhas ainda serão ouvidas pela polícia.

Portal Guaíra com informações da Rádio Educadora