ad
Cerca de 80 pessoas representando 68 entidades e setores estiveram presentes na reunião na tarde desta segunda-feira: preocupação máxima com a dengue
Cerca de 80 pessoas representando 68 entidades e setores estiveram presentes na reunião na tarde desta segunda-feira: preocupação máxima com a dengue

A população tem ouvido falar de dengue diariamente através de rádios, televisão, jornais e internet.

Apesar de toda esta campanha que vem sendo feita, os números de casos só estão aumentando. Isso se deve, em sua grande maioria, pela falta de apoio da população, que não está fazendo a sua parte com relação a limpeza de quintais e lotes, e assim, oportunizando que o mosquito aedes aegypti, transmissor da dengue, se prolifere.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

O poder público municipal rondonense realiza ações durante os doze meses do ano. Campanhas, visitas a domicílios, limpeza de lotes, recolhimento de lixo e entulhos jogados pelos moradores indevidamente, conscientização da população, são algumas das ações realizadas.

Apesar de todos estes esforços, os números de casos estão aumentando.

Na semana passada o poder público tomou mais uma atitude enérgica, dando poder de polícia administrativa aos agentes de edemias e também para a equipe da Vigilância Sanitária.

Multas que variam de R$ 138,00 a R$ 1.380,00 serão aplicadas aos proprietários de imóveis que forem flagrados com focos do mosquito. Lotes baldios, que não estejam limpos, também poderão ser multados.

Nesse final de semana a morte de uma rondonense por dengue hemorrágica colocou em alerta máximo a todos.

Leia Também:
Marechal Rondon – Dengue Hemorrágica mata Jovem de 23 anos

Autoridades municipais se reuniram na manhã desta segunda-feira (16), para discutir novas ações que poderão ser implementadas a fim de evitar que novos casos de óbito venham a acontecer.

Duas reuniões também foram realizadas no período da tarde. Às 14h autoridades municipais estiveram reunidas com vereadores, empresários, representantes de entidades, diretores e representantes de educandários do município, sindicatos e imprensa, para tratar sobre o assunto.

No total 68 entidades e setores estiveram representados, num total de mais de 80 pessoas, demonstrando a preocupação de todos com relação a dengue. Na oportunidade foram ouvidas opiniões e sugestões para serem colocadas em prática no município, a fim de evitar que a doença vire uma epidemia.

MARECHAL-RONDON-SE-MOBILIZA-PARA-ENFRENTAR-EPUDEMIA-DE-DENGUE-2

Força Tarefa

Dentre as definições, destaque para a intensificação, por parte do poder público, na limpeza de lotes baldios e recolha de galhos e entulhos, por parte das Secretarias de Agricultura e Política Ambiental e de Viação e Serviços Públicos.

Também será colocado a disposição um Disque Denúncia, pelo telefone 3254-7766, onde os cidadãos poderão denunciar locais onde o mosquito possa estar se proliferando, de pessoas que não estão tomando o devido cuidado.

Outro trabalho que será realizado será a mobilização de alunos das escolas municipais, estaduais e particulares. Reunião está marcada para esta terça-feira (17), às 17h30, na prefeitura, com representantes de todos os educandários do município. Na oportunidade será traçado as estratégias que serão utilizadas. Os educandários estarão, na quarta-feira, mobilizados em fazer visitas em residências, passeatas, trabalhos internos, focados nos perigos da dengue e como combater o mosquito.

Preocupação

Boletim divulgado nesta segunda pela 20ª Regional de Saúde de Toledo, mostrou que o município já registra 60 casos de dengue, além de outras 55 suspeitas que podem ser confirmadas. Diante destes números é que se tomou a decisão de tomar medidas mais diretas com a população, é o que ressaltou o prefeito rondonense, Moacir Luiz Froehlich.

“Todas as estruturas da prefeitura estão focadas no combate a dengue. Também recebemos o apoio das entidades, empresários e lideranças do município. Fomos para a rua para mostrar a população o problema que a dengue representa. Tivemos um óbito, e isso é algo triste e muito preocupante. Estamos realizado fortes apelos para realmente conscientizar a população”, frisou o prefeito que mencionou que “através da participação maciça de lideranças na reunião desta segunda-feira, viu-se que a prefeitura não está mais sozinha nesta luta. Juntos vamos combater esta doença. Cada um deve fazer a sua parte”.

MARECHAL-RONDON-SE-MOBILIZA-PARA-ENFRENTAR-EPUDEMIA-DE-DENGUE-3

Portal Guaíra via Assessoria