(foto/montagem: Rádio Difusora do Paraná)

A Polícia Civil de Marechal Cândido Rondon autuou por homicídio doloso o motociclista que matou uma idosa por atropelamento na Avenida Irio Jacob Welp no final da tarde de quarta-feira (05) em Marechal Cândido Rondon.

O procedimento foi lavrado ainda durante a noite de quarta, sendo ouvidas as partes. Logo após o fato iniciaram-se as investigações iniciais, com o levantamento de local do crime, câmeras de segurança, busca de testemunhas, notadamente o grande excesso de velocidade e o fato da motocicleta não poder trafegar em zona urbana por ser de competição.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Todo esse material foi apreciado e analisando as circunstâncias do fato, o Delegado de polícia concluiu que o investigado atuou assumindo o risco e não puramente por imprudência. Sendo assim, lhe foi imputado o crime do artigo 121 do Código Penal, que tem pena de até 20 anos.

O flagrante será comunicado ao Judiciário para apreciação, estando o autuado à disposição da Justiça. Se condenado ele pode pegar até 20 anos de prisão.

As informações são da Rádio Difusora