Na noite de ontem (12), um homem foi até a sede da Policia Militar de Marechal Cândido Rondon, pois havia recebido ligação de sua enteada dizendo que a irmã de 12 anos havia sido abusada sexualmente por um vizinho.

Diante das informações, uma equipe de PMs, juntamente com o padrasto, foi até o local onde o fato teria ocorrido, no bairro Jardim Alvorada, Marechal Rondon.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Em conversa com a menor de idade, ela contou que há algum tempo vem sendo assediada pelo vizinho. Nessa terça ele a convenceu a pular o muro e, assim que ela o fez, o homem começou a passar a mão em suas partes íntimas.

A garota conta que tentou escapar, mas foi agarrada e forçada a ter relação sexual com o vizinho.

Com estas informações, os Militares realizaram abordagem na casa indicada pela menor, que é alugada por uma empresa para os seus funcionários.

No momento da abordagem haviam 04 homens no local e a menor indicou qual deles seria o acusado de estupro, porém o rapaz negou que teria ocorrido qualquer tipo de contato com a vítima.

Diante dos fatos, o acusado foi encaminhado a Delegacia de Polícia Civil para serem adotadas as medidas cabíveis.

Também foi acionado o Conselho Tutelar para acompanhar a ocorrência.

Redação Portal Guaíra