Os vereadores acompanharam essa semana uma entrevista coletiva com os novos médicos do município, contratados através do Programa federal Mais Médicos. Estiveram presentes os vereadores Tereza Camilo dos Santos, Almir Bueno, Franciele Danelon, Rossano França Triches, Getúlio Centurião Benites e Rosana de Lima Brizzi.

Guaíra pediu 7 médicos e já conseguiu 4, mas na ocasião só três foram apresentados, porque um deles (o paraguaio Servin Lopes Edegar Daniel, que reside na Espanha) teve problemas pessoais e ainda não compareceu para preencher a vaga, e aguarda agora uma liberação por parte do Ministério da Saúde.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

VEREADORES-MEDICOS

O brasileiro Gerson Marcio Negrissol começou a atender no Posto de Saúde da Família do Jardim Santa Paula no dia 03 de setembro. Os demais passaram por um curso do governo federal e chegaram a Guaíra essa semana. O argentino Sérgio Geronazzo conheceu o posto em que trabalhará oito horas por dia, na Eletrosul, e Ximena Ulcuango teve seu primeiro contato com o Posto de Saúde da Vila Alta, onde trabalhará.

Ximena é equatoriana, mas também possui cidadania argentina, onde se formou. “Estou muito feliz, com muita vontade de trabalhar. O programa é muito bonito e já vi que terei toda a estrutura para poder trabalhar”, comentou.

Sérgio também confirmou que terá condições de fazer a sua parte. “Para o que fomos contratados, com certeza Guaíra tem uma estrutura adequada. Vamos fazer uma medicina de atendimento básico, uma medicina preventiva”.

A presidente da Câmara Tereza Camilo dos Santos pediu aos médicos muito carinho para atender a população guairense. “Nossa população é carente de médicos, e precisa de uma atenção especial”, afirmou. Ela também desejou sorte e um bom trabalho no município.

VEREADORES-MEDICOS2

Outros vereadores também se pronunciaram, todos agradecendo a disposição dos médicos em trabalhar no município e reforçando o importante papel que eles desempenharam para suprir as demandas da Saúde.

O vereador Almir Bueno pediu ao prefeito que esclarecesse à população quais são os gastos com os médicos, uma vez que algumas críticas tem sido direcionadas a isso. Fabian afirmou que o custo para o município é praticamente zero, porque os recursos são todos do governo federal. A contrapartida do município deve ser com estadia e alimentação, mas também para isso o governo destinada 4 mil reais mensais para cada médico.

O projeto de lei 046/2013, que está em tramitação na Câmara e deve ser votado na próxima sessão, prevê uma abertura de crédito especial no valor de 112 mil reais, para suprir as despesas do Programa Mais Médicos. O valor é de um repasse do Governo Federal e será utilizado para o custeio de moradia e alimentação dos sete médicos que se inscreveram para atuar em Guaíra.

VEREADORES-MEDICOS3

Portal Guaíra com informações da Assessoria