Uma jovem de 19 anos morreu em Laranjeiras do Sul, na região central do estado, após levar um tiro na cabeça, segundo informações da Polícia Militar (PM-PR). O caso aconteceu na noite de sábado (26) e o namorado, de 16 anos, é suspeito.

De acordo com as primeiras informações da PM, testemunhas disseram, inicialmente, que a jovem estava manuseando uma arma de fogo quando o disparo aconteceu. Após apuração da Polícia Civil, entretanto, o caso passou a ser investigado como feminicídio.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Duas testemunhas, que não tiveram as idades reveladas, foram encaminhadas à delegacia do município para registro de boletim de ocorrência e laudo de lesão corporal.

Ainda de acordo com a PM, a jovem chegou a ser resgatada com vida pelo Corpo de Bombeiros, mas não resistiu.

Suspeita de feminicídio
O delegado Marcelo Trevizan confirmou à RPC que o suspeito do crime é um adolescente, namorado da vítima. Ele tem 16 anos.

Ainda segundo informações repassadas pelo delegado, quando foi ouvido, o adolescente disse inicialmente que a vítima “brincava” com a arma, que disparou acidentalmente. A investigação, entretanto, apontou que o disparo atingiu a nuca da vítima.

O suspeito, então, mudou de versão e disse que, sem saber que a arma estava carregada, disparou contra a jovem.

“O autor mudou a versão e disse que não viu que a vítima carregou a arma com uma munição e disparou brincando contra ela, imaginado que a arma estava descarregada”, confirmou o delegado.

Segundo a Polícia Civil, o suspeito, apreendido em flagrante, foi recolhido no Centro de Socioeducação (Cense) Regional de Laranjeiras do Sul. A arma utilizada também foi apreendida.

O delegado não informou qual a previsão para o encerramento do inquérito policial.

Portal Guaíra com informações do G1