Praia Artificial de Santa Helena, uma das mais frequentadas da região (foto: Arquivo/PG)

O boletim de balneabilidade das praias artificiais no Lago de Itaipu, no oeste do Paraná, aponta que todos os 16 pontos analisados na região estão próprios para banho. O levantamento é realizado pelo Instituto Ambiental do Paraná (IAP) e leva em conta as praias artificiais com maior média de visitantes durante o verão. A análise também foi feita no Rio Paranapanema, na cidade de Primeiro de Maio, que também teve a qualidade da água aprovada pelos técnicos.

Conforme o IAP, o levantamento apura a concentração de bactérias que podem indicar a presença de esgoto sanitário na água dos balneários. Os números levam em conta os padrões do Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama).

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

No litoral, o único ponto considerado impróprio para banho é a Ponta da Pita, em Antonina, de acordo com o boletim divulgado na quinta-feira (1º). Os demais locais vistoriados pelo IAP no litoral do Paraná podem ser aproveitados pelos turistas.

Para manter a qualidade da água, o IAP pede a quem for alugar casas próximo a qualquer balneário que verifique se o imóvel está devidamente ligado ao sistema de esgoto. Quando não houver, a orientação é para que a fossa séptica seja mantida limpa.

Praia Artificial de Santa Helena, uma das mais frequentadas da região (foto: Arquivo/PG)
Praia Artificial de Santa Helena, uma das mais frequentadas da região (foto: Arquivo/PG)

Portal Guaíra com informações do G1