ad

A lenda do boxe mundial Manny Pacquiao foi à lona. Na madrugada deste domingo, no MGM Grand Garden Arena, em Las Vegas, Nevada (EUA), 16 mil torcedores puderam acompanhar o mexicano Juan Manuel Márquez nocautear o filipino com um direto de direita a um segundo do fim do sexto round. Foi a primeira vitória do mexicano, de 39 anos, em quatro lutas contra o “Pacman”, de 33 e dono de oito cinturões em categorias diferentes. A luta valia o cinturão especial de campeão da década, oferecido pela Organização Mundial de Boxe.

O confronto começou acelerado, com os dois pugilistas alternando o comando do combate. No terceiro round, Pacquiao sofreu o primeiro knockdown depois de Márquez acertar um cruzado de direita no queixo do filipino. Com golpes curtos e eficientes, o mexicano vinha dominando a luta. Até que no quinto round, um direto de esquerda de Pacquiao fez o juiz abrir contagem para Marquez. O filipino começou a colocar o mexicano nas cordas, pressionando o adversário. Quando Pacquiao começava a levar uma ligeira vantagem no confronto, Márquez acertou um direto de direita que levou o filipino à lona a um segundo do fim do sexto round.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Foi a segunda derrota seguida do Pacman, que perdeu o cinturão dos meio-médios da Organização Mundial de Boxe para o americano Timothy Bradley, em junho deste ano. Apesar de ser o quarto combate entre Pacquiao e Márquez, pela primeira vez, os dois estavam na categoria meio-médio (entre 64 e 67kg).

Com resultado, Márquez agora soma 55 vitórias, em 62 lutas, enquanto Pacquiao amargou a sua quinta derrota na carreira, em 61 confrontos.

Fonte: Globo.com