(Foto: Blog do Berimbau)

A Polícia Civil e o Instituto Médico Legal de Ivaiporã interromperam na quinta-feira (2) em Jardim Alegre um velório no Clube dos Escoteiros, para remover o corpo do homem de 62 anos, que estava sendo velado por amigos e familiares.

Segundo informações, a primeira constatação era de morte natural, mas chegou uma denúncia ao Ministério Público (MP) que o cidadão poderia ter sido vítima de envenenamento.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Diante da denúncia grave, a determinação foi cumprida pelo IML que retirou o corpo do caixão e removeu até a sede do Instituto em Ivaiporã.

O corpo passará por necropsia e será liberado para o prosseguimento do velório e sepultamento.

Portal Guaíra com informações do Blog do Berimbau