Deputados Federais de vários partidos estão se mobilizando para criar na Câmara dos Deputados, em Brasília, uma CPI – Comissão Parlamentar de Inquérito – para investigar e apurar as ações da FUNAI em relação as demarcações de terras indígenas no Brasil.

A afirmação partiu do Deputado Federal Dilceu Sperafico, que esteve em contato com diversas lideranças da região Oeste do estado e que demonstraram uma grande preocupação em relação ao problema.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------
Dilceu Sperafico, deputado federal
Dilceu Sperafico, deputado federal

Na região de Guaíra e Terra Roxa, além da região sul de Mato Grosso do Sul e algumas regiões do Rio Grande do Sul e Santa Catarina sofrem as ameaças de invasão de terras produtivas por parte de indígenas, que agem instigados pela FUNAI e ONGs estrangeiras, segundo o Deputado, vem causando insegurança jurídica a classe produtora e tensão no campo.

Sob o pretexto de retomadas de terras tradicionais indígenas, antropólogos, muitos deles ligados a FUNAI e a ONGs, acabam alimentando a esperança dos índios que, manipulados, invadam propriedades e geram até confrontos como já houve na região.

Sperafico afirmou que com essa CPI a FUNAI terá de dar explicações sobre toda essa situação que tem causado insegurança no campo e está se tornando uma séria ameaça para a produção do País.

O Deputado Federal ressaltou que a idéia de formar a Comissão Parlamentar de Inquérito tem ganhado cada vez mais adesão na Câmara dos Deputados.

Fonte: Maiko Bücker / Rádio Difusora do Paraná