ad

Cascavel – Um homem foi agredido por moradores da Rua Ernandes de Oliveira, Bairro Pioneiros Catarinenses, por volta do meio-dia de hoje (1º). Eles alegaram que o homem estava se masturbando na rua.

O suspeito não foi linchado porque outros moradores impediram. “Eu acho incorreto o julgamento popular de pessoas que não são preparadas para isso. Até porque os meninos que fizeram isso estão ficando no mesmo estado que ele [embriagado]. É que a população fica alvoroçada toda vez acontece alguma coisa fora do comum”, fala Hélio Souto.

A Polícia Militar foi chamada e encaminhou o homem ao batalhão. A vítima também foi ao batalhão e conta o que aconteceu. “Eu estava lavando a calçada, ele parou na casa da frente e começou os atos. Ele viu que olhei e parou e também porque passou uma mulher e conversou com ele. Quando ela saiu, ele voltou a fazer. Quando ele se levantou, corri fechar o portão porque ele veio em minha direção. Ele viu que eu estava celular ligando para meu marido, então correu outras e outras pessoas conseguiram pegá-lo”, relata.

Ontem uma adolescente de 17 anos foi estuprada no bairro, por enquanto, não há nenhuma confirmação entre os dois casos. “É bastante preocupante, a gente que é mulher e fica em casa sozinha, não sabe o que pode acontecer. Por isso tem que estar sempre em segurança, com portão trancado”, comenta a vítima.

O homem de 47 anos já foi preso em agosto do ano passado por uma situação idêntica à de hoje. Na época, ele foi solto porque a vítima não compareceu para o reconhecimento.

Fonte: CGN


CLINICA SALUTAR