Um soldado do Exército Brasileiro, de 20 anos de idade, pagou fiança de R$ 4 mil e deixou a prisão na terça-feira (12) em Guarapuava, na região central do Paraná. Ele foi preso em flagrante no domingo (10) após atropelar um adolescente.

De acordo com a Polícia Militar, o soldado dirigia embriagado e atingiu o jovem Tiago Gabriel Costa Rocha, de 16 anos, que estava de bicicleta. A reportagem tenta contato com a defesa do investigado.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Ao autorizar a liberdade provisória, a Justiça determinou que o soldado comunique às autoridades eventuais mudanças de domicílio e compareça a todos os atos processuais para os quais for intimado.

O soldado responderá em liberdade pelo crime de homicídio. O Exército informou que abriu processo administrativo para apurar o caso.

O acidente
O acidente aconteceu na Avenida Castelo Branco, no bairro Morro Alto. Segundo a PM, o carro e a bicicleta bateram de frente quando o motorista fazia uma conversão à esquerda.

O soldado foi preso ainda no local após fazer teste do bafômetro, que acusou presença de bebida alcoólica. Conforme a Polícia Militar (PM), o índice foi de 0,58 mg/l.

Em nota, o Exército Brasileiro lamentou a morte do adolescente e afirmou que “todos os procedimentos administrativos cabíveis estão sendo adotados para a apuração do fato”.

O Serviço de Atendimento Móvel (Samu) foi acionado e chegou a atender a Tiago Costa ainda no local. O adolescente foi encaminhado para um hospital, mas não resistiu aos ferimentos.

Portal Guaíra com informações do G1