ad

Após 06 dias de buscas, em uma força tarefa que envolve equipes do Corpo de Bombeiros (PR e MS), Marinha do Brasil, Polícia Federal e voluntários, o corpo encontrado na tarde desta sexta-feira pode ser de Bianca Brum, 13 anos de idade.

Por volta das 15h40 a Polícia Civil e o Corpo de Bombeiros de Guaíra receberam um chamado informando que um corpo havia sido avistado boiando no lago de Itaipu, região da Comunidade São João, lado guairense do rio Paraná, local de dificil acesso.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

O Instituto Medico Legal (IML) de Toledo já foi acionado para a remoção do corpo para os exames de necropsia que deverá confirmar se realmente é de Bianca e, então, posterior liberação aos familiares de Alto Piquiri para os atos fúnebres.

Conforme a Polícia Civil, devido aos estado de decomposição, não foi possivel afirmar de imediato.

Os corpos de Giovani e Bruna Brum, irmãos trigêmeos com Bianca, já haviam sido encontrados no domingo (1º) e sepultados na segunda (2) em Alto Piquiri.

O guairense de 47 anos, Marcos “Marcão” Roberto de Campos, também morreu no mesmo local conhecido como “Praia do Sol”, em Mundo Novo/MS, ao tentar salvar os adolescentes – entre eles o filho de 14 anos que conseguiu ser resgatado com vida por uma embarcação. Marcão foi sepultado na segunda-feira (2) no cemitério de Guaíra.

As buscas pelo corpo de Bianca Brum seguiram desde então, do nascer do dia até o pôr-do-sol, sem interrupção, coordenado pelo Corpo de Bombeiros de Mundo Novo, no Mato Grosso do Sul.

A Polícia Civil de Mundo Novo abriu inquérito de investigação para apurar as quatro mortes.

Redação Portal Guaíra