Nesta sexta-feira (2), por volta das 7h30, policiais militares da RPA, do 3º Pelotão de Guaíra foram informados da existência de gritos e gemidos no interior de uma residência no centro da cidade, localizada na rua Grécia.

Chegando ao local, os policiais depararam-se com dois homens e uma mulher, que no momento que avistaram a viatura policial empreenderam fuga.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

De imediato a equipe conseguiu deter Luís Carlos da Silva (31 anos), e na seqüência avistaram um senhor saindo do interior da residência amordaçado e amarrado com fios elétricos,  apresentando vários ferimentos na cabeça.

A vítima (proprietário da residência) informou que por volta das 06h30 de hoje, quando abriu o portão para jogar lixo, teria sido abordado por uma mulher, sendo que enquanto era distraído pela “isca”, dois homens teriam invadido sua residência pelos fundos e acabaram lhe rendendo com uma faca de mesa.

Rogério Serverino da Silva 27 anos, Patrícia de Souza Santos 19 e Luiz Carlos da Silva 31 anos
Rogério Serverino da Silva 27 anos, Patrícia de Souza Santos 19 e Luiz Carlos da Silva 31 anos

Os três (homens e a mulher), amarraram a vítima com fios elétricos e o amordaçaram com fita adesiva. Eles pediram dinheiro e começaram a revirar toda a residência. Como não encontraram, na seqüência os três começaram a agredi-lo com socos e chutes, e dado momento ameaçaram atear fogo na vítima com o uso de um litro de álcool – não o fazendo por não terem encontrado o liquido inflamável -, mas um deles teria pegado uma faca da residência e tentado perfurar o corpo da vítima, não tendo êxito  em vista que a lamina da faca veio a quebrar.

Após toda a intimidação e violência contra a vítima, os marginais encontraram a quantia aproximada de R$1.200,00 (um mil e duzentos reais) em dinheiro.

De imediato foi acionado o pronto atendimento municipal para socorrer a vítima e a equipe seguiu em diligencias em buscas dos outros autores do assalto.

Em continuidade localizaram Rogério Severino da Silva, na Rua José Damos de Oliveira – defronte ao numero 184; e Patrícia de Souza Santos, na Rua Das Violetas – no bairro Vila Margarida.

Rogério e Patrícia foram reconhecidos pela vítima e pelos policiais, ambos confessaram a pratica do assalto juntamente com Luis Carlos. Com Patrícia foram encontrados R$857,95 (oitocentos e cinquenta e sete reais e noventa e cinco centavos) em dinheiro.

No local do crime foi apreendido uma faca de mesa  usada para render a vítima e uma faca com a lamina quebrada usada para torturar a vítima.

Todos os envolvidos, juntamente com o dinheiro e os objetos apreendidos foram encaminhados até a delegacia de Policia Civil para os devidos procedimentos.

valores e objetos

Fonte: Comunicação Social – 3º Pelotão PM-Guaíra