ad

Com mais de 25 anos de experiência, Professora Cláudia Cristina Friedrich, falou sobre a inclusão do aluno com Espectro Autista.

A Secretaria de Educação, realizou, no último dia oito de maio, na Escola Municipal Duque de Caxias, o encontro do projeto, Sou Alfabetizador. Na ocasião foi promovida uma palestra focada no tema, Inclusão do Autista na Rede de Ensino Comum e o Método ABA. Para falar sobre o assunto, a professora Claudia Cristina Friedrich de Carvalho, com mais de 25 anos de experiência em Educação Especial, foi convidada.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

De acordo com a educadora, encontros como este são essenciais para atualizar a equipe de Educação do Município e pensar em diretrizes que melhorem o dia a dia do aluno na escola. “É necessário conhecer as metodologias disponíveis e avaliar a forma ideal de utilizá-las, com os recursos que a Secretaria disponibiliza e com a possibilidade de estar sempre melhorando”, comenta Claudia.

Para a professora, cada caso deve ser analisado com cuidado, pois nem todos os alunos respondem da mesma forma. “O ensino fundamental é primordial para que a criança desenvolva as suas habilidades. Precisamos identificar qual o melhor plano para que seja possível incluir, sem prejudicar o potencial do estudante, levando em conta suas dificuldades e também facilidades”, completa.

De acordo com a professora e assessora pedagógica da SMED Ana Albuquerque, a professora Claudia trouxe para o grupo de alfabetizadores, contribuições valiosas, e no projeto está previsto essa parceria entre os educadores do município.

Diretora Pedagógica da SMED Elianara Falci destacou, “O projeto SOU ALFABETIZAR , foi planejado e desenvolvido para fomentar o conhecimento acerca dos desafios atuais no processo de alfabetização, estamos surpresos com a excelente adesão dos professores na rede municipal de ensino, bem como com o empenho das assessoras pedagógicas da SMED, diante da qualidade nas propostas aplicadas”.

A Secretária Educação, Franciele Danelon parabenizou as profissionais envolvidas com no projeto. “Alfabetizar é acender uma luz que jamais será apagada, estamos deixando marcas positivas neste processo tão valioso na vida dos nossos educandos e educadores”, disse Franciele que concluiu agradecendo a parceria da professora Cláudia Cristina Friedrich, nas ações para com a Educação de Guaíra.

Portal Guaíra via Assessoria