As áreas de instabilidade que predominaram sobre o Rio Grande do Sul e de Santa Catarina no fim de semana se aproximam do estado do Paraná nesta segunda-feira.

Desta forma, as taxas de instabilidade se elevam nas regiões próximas do Paraguai, Argentina e de Santa Catarina. Por isso, nuvens isoladas se formam nessas regiões do Paraná a partir da tarde e há condição para ocorrência de chuvas isoladas, porém de curtíssima duração.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

No Litoral, os ventos seguem predominando do mar para o continente e mantêm as nuvens baixas presentes na região, inibindo o aquecimento mais pronunciado, diferentemente das demais áreas do Paraná que vão registrar muito calor.

Portal Guaíra com informações do Simepar