O prefeito de Guaíra, Fabian Vendruscolo, recebeu ontem a tarde a visita do superintendente da Administração da Hidrovia do Paraná (Ahrana), Antonio Badih Chehin. O superintendente veio a Guaíra para assinar o documento que regulariza a doação do terreno que fica nas proximidades do Centro Náutico, onde está sendo construída a sede da entidade.

Chehin veio acompanhado do chefe do Núcleo de Obras e Melhoramento da Ahrana, Ruy de Britto Pereira, e do gerente local, Fabrício Sales. “A Prefeitura de Guaíra tem sido parceira da Ahrana porque entende que estamos nos instalando aqui para dar a nossa contribuição. A hidrovia é o nosso horizonte”, afirmou.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Fabian aproveitou a oportunidade para dizer que pretende buscar investimentos do governo no sentido de viabilizar cursos tecnológicos que tenham a navegação como referência. “Estamos levando a Brasília a nossa reivindicação porque entendemos que a cidade tem uma ligação com a área de navegação fluvial. Seria muito interessante que nos tornássemos um polo de conhecimento nessa área”, revelou.

O gerente local da Ahrana sugeriu então que Guaíra tente viabilizar, dentro dessa proposta, um curso de tecnologia fluvial. “O tecnólogo fluvial está em falta no mercado. Atualmente, só os municípios de Itajaí/SC, Jaú/SP e Rio de Janeiro/RJ dispõem deste curso de formação profissional”, disse.

Segundo informações, depois de concluída as obras na nova sede, a Aharana deve contratar pelo menos mais cinco profissionais de Guaíra para compor a equipe técnica.

Fonte: Assessoria