ad

O prefeito de Guaíra, Fabian Vendruscolo, demonstrou preocupação com algumas pendências administrativas encontradas neste início de ano.

De acordo com ele, o Porto Internacional Sete Quedas corre o risco de ser fechado, assim como o Aeroporto, que está interditado e pode ser fechado de maneira definitiva.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

A situação do porto lacustre não é nova. Ao longo dos anos, a exigência da Receita Federal tem sido constante no sentido de modernizar o ambiente e ampliar a capacidade do espaço. “Na gestão passada foi assinado um Termo de Ajustamento de Conduta que neste momento se encontra vencido. Pelo que tenho conversado, tenho até fevereiro para apresentar um plano para a chefia da Receita Federal, sob pena de termos o porto fechado”, afirma Fabian.

Estima-se que as obras cheguem a R$ 1,5 milhão de reais.

        

Aeroporto

Não menos preocupante é a situação do Aeroporto Municipal. Interditado desde o dia 01º de fevereiro de 2011, quando um engenheiro da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) vistoriou o local, o aeroporto pode ser fechado de maneira definitiva. “Temos que agir de maneira enérgica, pois se a Anac constatar que mesmo diante da interdição não houve uma iniciativa por parte da prefeitura, ele pode ser fechado definitivamente. Temos que fazer um plano ambiental de zoneamento até o dia 31 de janeiro e executar algumas obras até o dia 30 de abril. É pouco tempo”, refletiu Fabian.

Serão necessários aproximadamente R$ 300 mil reais para regularizar a situação.

 

Gastos

Apesar destas pendências, Fabian terá outras preocupações que, segundo ele, poderiam ter sido evitadas caso existisse uma estratégia diferenciada. “Apesar de todas essas obras a serem executadas, a prefeitura licitou uma obra que pode chegar a 2 milhões de reais. Refiro-me ao novo centro educacional de quatro pisos que teve o seu esqueleto licitado no final do ano passado. Entendo que a obra terá o seu valor, mas sinceramente acho que o momento não era dos melhores. Foi um erro estratégico na minha concepção”, afirmou.

Fonte: Assessoria