No final da tarde de ontem (12), uma equipe de Policiais Militares se deslocou até o distrito de Dr. Oliveira Castro para atender ocorrência de tentativa de homicídio.

Já no local, em contato com a solicitante que é mãe da vítima, ela contou aos PMs que estava em casa quando viu seu filho correndo em direção a moradia e sendo perseguido por um indivíduo que efetuava tiros contra o rapaz.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

A mãe contou também que neste momento, mesmo tendo em seus braços um bebê de apenas 5 meses, entrou na frente do autor dos disparos e pediu “pelo amor de Deus” para que ele não fizesse aquilo, mas não adiantou e os disparos continuaram, inclusive em sua direção.

A vítima, então, correu para uma lavoura nas proximidades da residência e se evadiu tomando rumo incerto.

Conforme apurado, uma dupla teria chegado de motocicleta e o garupa, armado com um revólver, passou a disparar contra a vítima. O acusado seria conhecido da família.

Após os disparos, o autor e comparsa fugiram de motocicleta e, apesar de buscas realizadas pelos Militares, não haviam sido encontrados.

Já a vítima ainda não se tem informações se foi ferida, pois até o momento desta publicação o setor policial não havia recebido informações da UPA sobre a entrada de algum paciente ferido por arma de fogo.

Ocorrência encaminhada para a Delegacia de Polícia Civil.

Redação Portal Guaíra