Na manhã desta terça-feira (19), por volta das 10h30, a central de comando solicitou que Policiais Militares prestassem apoio a uma equipe da Vigilância Sanitária de Guaíra, em uma ocorrência na Rua Louis Francescon, no Bairro Parque Hortência.

No local, em contato com o diretor do departamento de vigilância sanitária, Sr. João Carlos Hartkoff, este informou que um morador negou a entrada e fiscalização no terreno da residência, mesmo sendo o acesso franqueado conforme Decreto Municipal 334/2013 e orientação do Ministério Público Estadual, desde que devidamente caracterizados como agentes.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Ainda segundo o diretor, o responsável pela moradia disse a equipe que não iria abrir o portão e não autorizava a entrada no terreno da residência. Ele teria se evadido e deixando o portão trancado.

Diante dos fatos, os Militares e a equipe da Vigilância Sanitária acabaram adentrando o local por um portão lateral que estava aberto.

No local foi localizado entre o lixo que estava amontoado, um cesto de lixo orgânico de propriedade do Município de Guaíra.

Como o morador não se encontrava no local, o cesto foi encaminhado à Polícia Civil, e ele deverá responder pelo crime de furto de patrimônio público.

VIGILANCIA-SANITARIA-DE-GUAIRA-2B

VIGILANCIA-SANITARIA-DE-GUAIRA-3C

VIGILANCIA-SANITARIA-DE-GUAIRA-4D

VIGILANCIA-SANITARIA-DE-GUAIRA-A

Portal Guaíra com informações da PM/Guaíra