Veículo apreendido pela PM com 37 kg de maconha

DANO
Em data de 11 de abril de 2020, por volta das 23h50, a PM em patrulhamento de rotina avistou um veículo batido em um poste de iluminação pública. Ao realizar buscas nas proximidades a equipe foi informada que dois rapazes haviam colidido contra o poste e saíram andando pela via. Realizado buscas a equipe abordou e identificou o causador do dano. No local compareceu o responsável pelo automóvel que após comparecimento do plantão da Copel que realizou os trabalhos de identificação da rede e do responsável pelo dano ao poste, acionou o guincho para a retirada de seu veículo. Perguntado ao mesmo se havia interesse na confecção do boletim de acidente, informou que não tinha interesse. Na sequência a equipe policial deslocou ao pelotão para confecção do boletim de ocorrência e encaminhou à delegacia de Polícia Civil para as providências cabíveis.

LESÃO CORPORAL – VIOLÊNCIA DOMESTICA E FAMILIAR
Em data de 12/04/2020 por volta das 12h30 a Policia Militar foi acionada pela central 190, a deslocar até a solicitante que relatou que convive há um ano com seu amásio, e que durante a madrugada a mesma teria sido vítima de agressões. Ela relatou que levou um soco na boca, o que teria ocasionado um sangramento. Diante dos fatos a PM se deslocou até o endereço, porém o agressor não foi localizado. Ao realizar checagem da qualificação foi constatado que o acusado possui um mandado de prisão em seu desfavor, porém ele não foi localizado no endereço.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

FURTO QUALIFICADO
Em data de 12/04/2020 por volta de 10h, compareceu no Pelotão da PM, o solicitante, o qual passou a relatar que se ausentou de sua residência na sexta feira (10/04/2020) e que ao retornar na data de (12/04/2020) por volta de 9h30, constatou que a porta da cozinha estava arrombada. Ao entrar na residência sentiu falta de seu micro-ondas de cor prata, televisor de 32″ não sabendo informar de momento a marca, uma máquina de cortar grama costal da marca “Yuscorn”, duas cadeiras de área e uma moto Honda/C100 Biz ES, de cor preta, ano 2002. A vítima foi devidamente orientada e todos os dados repassado a equipe que iniciou as buscas de imediato, mas sem lograr êxito.

LESÃO CORPORAL – VIOLÊNCIA DOMESTICA E FAMILIAR
Diante chamado do Copom a equipe policial deslocou para atender ocorrência de violência doméstica, onde no local a solicitante informou a PM que seu amásio havia lhe dado uns empurrões por causa de discussão, porém o autor já não se encontrava mais no local. Fora realizado patrulhamento nas imediações, mas sem êxito na localização do amásio da solicitante.

ADQUIRIR, VENDER, FORNECER E OU PRODUZIR DROGAS
Em data de 12 abril de 2020 por volta das 22h37 a PM, após informação repassada por um agente da PRF para a Central 190 de que um veículo Renault/Sandero de cor cinza havia se evadido de uma equipe PRF vindo adentrar na cidade de Guaíra. A equipe da Policia Militar realizou diligências em um bairro, último local que o veículo havia sido visto pela PRF. Desta forma a equipe logrou êxito em localizar o veículo o qual estava em estado de abandono, aberto e com a chave na ignição. Sendo que quase que momentaneamente chegou a equipe PRF. Após realizar revista ao interior do veículo, foi localizado em seu porta-malas 3 bolsas nas quais em seu interior continham tabletes de substância análoga a maconha. Que após ser levada até a base da PRF para ser pesada totalizou 37,550 kg (trinta e sete quilos e quinhentos e cinquenta gramas), sendo 56 tabletes. Diante dos fatos o veículo, dinheiro e a droga foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil para as demais providências cabíveis. A equipe realizou patrulhamento nas imediações no intuito de localizar o condutor do veículo, porém sem êxito.

LESÃO CORPORAL
Em data de 12 de abril de 2020 por volta das 21h45 acionados pela central, a equipe de Policiais Militares se deslocou até a solicitante que declarou que uma mulher que passava na rua quebrou seu aparelho celular. No local em contato com a solicitante a mesma relatou que estava em via pública, filmando um tio seu que estava embriagado, momento quando uma mulher que ela não conhece ia passando e reclamou que a solicitante estava filmando ela, e já foi em direção da solicitante desferindo lhe pedradas e vindo a quebrar seu aparelho de celular de marca Motorola, sendo que as pedradas veio a machucar o braço da solicitante. Foi realizado patrulhamento no intuito de localizar a autora, porém sem êxito. A solicitante foi orientada.

Portal Guaíra com informações da PM/Guaíra