ad

Nesta sexta-feira (17), em Guaíra, durante diligências para localizar uma pessoa presa recentemente por contrabando, solto após pagar fiança, e que estaria transportando produtos contrabandeados do Paraguai para o Brasil, equipes policiais abordaram uma S10 com a pessoa procurada. Ele estava acompanhado da esposa e dos filhos, bem como a uma BMW com dois advogados a bordo.

Para uma melhor avaliação, os veículos foram levados ao Posto de Fiscalização da Receita Federal aonde há um scanner para veículos. De imediato, a esposa do cidadão confessou que estavam transportando produtos eletrônicos contrabandeados do Paraguai os quais estavam ocultos nos bancos e encostos da GM S10.

Diante da constatação todos foram conduzidos para a DPF/Guaíra. A advogada que acompanhava o outro advogado, no veículo BMW, foi liberada por não ter participação no evento. Os demais foram autuados em flagrante pelos crimes de descaminho (art. 334, do CP) e associação criminosa (art. 288, do CP).

Redação Portal Guaíra


ad