ad

Na madrugada desta sexta-feira (12), mais uma apreensão foi realizada por equipes da operação integrada entre POLÍCIA FEDERAL, BPFRON/ COBRA e FORÇA NACIONAL, com apoio do EXÉRCITO BRASILEIRO e da SEOPI – Secretaria de Operações Integradas/MJSP.

Policiais realizavam patrulhamento embarcado de rotina no Rio Paraná e perceberam movimentação suspeita de embarcações tentando cruzar o bloqueio da Base Permanente CARONTE (Chalana), instalada acima da Ponte Ayrton Senna.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Ao longo da noite foram realizadas vários acompanhamentos e na tentativa de fuga da abordagem os criminosos jogaram diversas caixas de cigarros na água, buscando colocar em risco a navegação das embarcações policiais e facilitar sua fuga ao Paraguai. Os policiais realizaram acompanhamento tático embarcado e conseguiram obter êxito na abordagem de uma embarcação criminosas, enquanto que o restante dos fugitivos retornou ao país vizinho.

O barqueiro criminoso jogou a embarcação na região ribeirinha e conseguiu fugir, não sendo localizado.

No local foi apreendida embarcação de fibra equipada com motor Yamaha 200hp e aproximadamente 100 caixas de cigarros – prejuízo aos contrabandistas avaliado em aproximadamente R$ 300.000,00.

Os materiais apreendidos foram encaminhadas à Delegacia de Polícia Federal de Guaira para os procedimentos de praxe.

O mudança de nome da Operação Integrada para HÓRUS, que significa “o Deus dos céus, dos Vivos e da Guerra”, seria um marco em virtude da intensificação das atividades de fiscalização e também para marcar a integração de outras forças de segurança a esse novo momento estratégico das atividades repressivas.

As informações da DPF/Guaíra