Nesta quarta, quinta e sexta-feira, 02, 03 e 04 de março, respectivamente, acontece um grande workshop de planejamento estratégico do PRODESG — Programa de Desenvolvimento de Guaíra, organizado pelo Município de Guaíra, Câmara Municipal, ACIAG, Sebrae, e representantes da iniciativa pública e privada.

Falar em progresso para uma cidade é algo que todo cidadão já escutou ao longo da vida. Todos os líderes e gestores públicos almejam ver sua cidade prosperar.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

No entanto, este desenvolvimento tende a ser desorganizado, com foco excessivo em uma determinada área, e desatenção em outros aspectos importantes para o crescimento do município.

Para contextualizar esta questão, cabe retornar à história da cidade. Guaíra foi fundada oficialmente em 1951, por ser um ponto de rota fundamental para a exportação da erva-mate, muito comercializada na época. Desde então, grandes eventos marcaram seu passado e sua história. Entre eles, a inestimável perda de um dos maiores patrimônios ambientais que o mundo já viu, as Sete Quedas.

Com a grande catástrofe, a cidade passou por décadas difíceis de esquecimento por parte das autoridades superiores, o que além de manchar o rendimento produtivo socioeconômico, desmotivou a própria população local, refletindo no PIB e outros fatores importantes para o desenvolvimento de Guaíra.

Nos últimos anos, observando o processo de crescimento das cidades da região, a população guairense parou de perpetuar o sentimento de remorso sobre a perda das Sete Quedas, e começou a clamar por ações e iniciativas ágeis na celeridade do progresso para o Município de Guaíra.

Já no início do primeiro mandato, em 2017, o prefeito Heraldo Trento constatou a necessidade de atender este grande anseio dos cidadãos. De imediato, começou a estruturar o sistema público para atender às urgências no atendimento, como a reorganização dos cargos e funções do Executivo Municipal.

Após esse feito, o gestor identificou outra questão a ser resolvida para que Guaíra pudesse voltar a apresentar crescimento no rendimento socioeconômico, o reajuste à porcentagem de repasse dos royalties pela Itaipu.

Novamente com um adendo sobre esta questão, os royalties foram definidos na época do alagamento das Sete Quedas e construção da Usina Hidrelétrica de Itaipu, em uma reunião entre os gestores dos municípios lindeiros e a mesa diretiva da Itaipu.

Este repasse é calculado com base na área em que a cidade perdeu quando houve o alagamento das Sete Quedas. Até então, embora seja a cidade com a maior perda de todas no sentido patrimonial, pois as quedas eram localizadas em Guaíra, o município recebia o percentual de 4% nesta questão.

O destaque da importância dos royalties encontra-se na quantidade de ações, serviços e iniciativas que podem ser custeadas com a verba, além de auxiliar nas diversas demandas já existentes e assim contribuir com o desenvolvimento do município.

Mesmo sendo de grande contribuição, o percentual de royalties repassado à Guaíra já não satisfazia a necessidade de progresso notada pelo então gestor e a população guairense.

Para resolver a questão, o prefeito Heraldo esteve em constantes visitas à capital do país, Brasília/DF, e conversou diretamente com deputados aliados e engajados na causa.

Em 2019 houve a grande conquista na alteração da lei que define os percentuais de repasse, e assim Guaíra passou a receber 4% das verbas.

A vigência deste repasse irá ocorrer até o ano de 2023, e reuniões para tratar deste tema já começaram a ser realizadas no ano de 2021.
Conquistado o aumento no percentual do repasse, o gestor ainda precisava dar andamento no anseio de desenvolver efetivamente o Município de Guaíra.

Para isso, coordenado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Emprego, com apoio das demais secretarias do executivo municipal, Câmara Legislativa, ACIAG, Sebrae, membros da iniciativa pública e privada, foi dado andamento no PRODEC — Programa de Desenvolvimento Econômico.

Este projeto foi disposto em várias etapas que estão amplamente divulgadas nas redes sociais oficiais do Município de Guaíra. Em suma, a iniciativa promete traçar um plano de desenvolvimento econômico eficiente e seguro para Guaíra.

O programa na cidade foi denominado como PRODESG — Programa de Desenvolvimento de Guaíra, com nome, slogan e arte definidos por alunos da rede fundamental de ensino.

A iniciativa tem como instrumento a identificação das dificuldades/barreiras que estão travando o desenvolvimento da cidade. Para isso, uma pesquisa minuciosa foi realizada com gestores públicos, servidores, empresários, e demais membros da sociedade civil.

Agora, chegou a vez de intensificar os trabalhos do programa. Gestores públicos de cada secretaria, além de vereadores, representantes de instituições, empresários, e outros cidadãos foram convidados a participar do Workshop Imersão do PRODESG, que ocorre no Hotel Olinda, cidade de Toledo/PR. São cerca de 40 participantes no evento.

São 3 dias de aprendizado intensivo e estudos sobre os déficits em cada área, além da apresentação de propostas/ideias de avanços e valorização dos pontos de destaque da cidade.

Na tarde de ontem (02), os presentes participaram da apresentação de boas-vindas ao workshop, e contaram com a palestra ministrada pelo especialista em marketing, Romeo Busarello, que discorreu sobre a importância da inovação e principalmente em relação às tendências.

Durante a abertura, as lideranças puderam se apresentar e destacar a importância da iniciativa para a cidade. “Fizemos questão de adquirir esta ferramenta, pois acreditamos ser um dos melhores métodos de progresso objetivo disponível no mercado. Tentamos seguir exemplos de resultados positivos em municípios como Maringá/PR. Fazemos isso não porque Guaíra é minha ou do vice-prefeito Gileade Osti, ou até do secretário X ou Y, e sim porque acreditamos que com esse planejamento possamos errar menos na busca do crescimento e desenvolvimento econômico de Guaíra. Isso é benefício para todos”, salientou o prefeito e presidente do Conselho de Municípios Lindeiros, Heraldo Trento.

Esta quinta-feira (03), a palestra ocorre por conta do consultor empresarial Yasushi Shima, junto aos também consultores Sebastião Freitas, Alexandre, e Ken. Entre os principais temas já discorridos e a serem tratados, encontram-se: diagnóstico da situação atual da cidade; identificação e seleção de questões relevantes a serem debatidas; o papel das lideranças no contexto atual.

Vale ressaltar que o workshop é uma forma dinâmica e aberta dos participantes apresentarem contribuições para o desenvolvimento de Guaíra. Diversos temas já foram discutidos, como: infraestrutura, agropecuária, juventude, educação, assistencialismo, turismo, entre outros. Todos os gestores de cada área citada no evento puderam expor sua visão sobre as informações debatidas, que também foram observadas pelos palestrantes.

Amanhã (04), haverá a análise das grandes tendências atuais e o impacto nos cenários futuros, assim como na visão e diretrizes a serem definidas no projeto. Ainda, os participantes poderão estudar os critérios norteadores para o desenvolvimento da cidade, com a definição das necessidades e competências das lideranças necessárias para vencer os desafios.

Guaíra - Município participa de Workshop do Plano Estratégico do PRODESG • Portal Guaíra Guaíra - Município participa de Workshop do Plano Estratégico do PRODESG • Portal Guaíra

Portal Guaíra via Assessoria