ad

[dropcap color=”#81d742″]O[/dropcap] prefeito Heraldo Trento, a secretária de Administração, Mariana Candido, e o coordenador da Guarda Municipal, Edson Manoel Auler, prestigiaram na quarta-feira (07) o início dos trabalhos do Corpo de Bombeiros em Guaíra.

O efetivo guairense conta agora com 13 bombeiros sob o comando do 02º tenente Schlogl. O capitão Zalac apresentou o efetivo guairense e desejou sorte a todos os profissionais. Ele também destacou o empenho dos bombeiros comunitários, que por anos seguiram os treinamentos e orientações dos bombeiros, antes da instalação do processo de militarização.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

O prefeito Heraldo Trento desejou boas-vindas, destacou o momento histórico e se colocou à disposição dos militares.

Por enquanto, os bombeiros continuarão usando a sede da Defesa Civil, mas devem se mudar definitivamente para um prédio que está sendo todo adaptado às exigências técnicas.

Os bombeiros comunitários que por anos prestaram atendimentos à população serão reinseridos no quadro de efetivo da Guarda Municipal.

Do sonho à realidade
As tratativas para implantar uma seção do Corpo de Bombeiros foram iniciadas em junho de 2014, quando o major Fernando Raimundo Shunig veio a Guaíra informar que a cidade estava autorizada pelo governo do estado a contar com uma estrutura militar. Na oportunidade, o principal empecilho era a falta de efetivo.

O Município de Guaíra conta desde o ano de 2006 com o Bombeiro Comunitário, supervisionado pelo bombeiro militar Jeferson Henrique de Lima, projeto que foi importante para a consolidação da Defesa Civil guairense. Os bombeiros comunitários foram formados por guardas municipais treinados pelo Corpo de Bombeiros de Toledo.

Agora, mais de 10 anos depois, Guaíra finalmente militarizou seu quadro.

Portal Guaíra via Assessoria