ad

Nesta quinta-feira, uma equipe da Patrulha Rural em patrulhamento na região de São Camilo, visualizou o veículo Chevrolet/Cruze, táxi da cidade de Guaíra, transitando na PR- 364, no sentido Terra Roxa – Palotina. A equipe policial tendo conhecimento de que é comum pessoas usarem tal rota para transporte de ilícitos, comumente utilizando carros de táxi como transporte, foi realizada a abordagem do referido veículo.

O veículo táxi era conduzido por M. L. A. e tinha como passageiro a pessoa de J. de A. S. , que ao ser indagada sobre seu itinerário, demonstrou grande nervosismo, não sabendo dizer com exatidão qual seria o motivo de sua viagem, origem e destino.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Ela estava com blusa moletom e aparentava um volume em sua cintura. Foi solicitado apoio de uma policial feminina para realizar buscas pessoais nela. Nas buscas foram localizadas três invólucros contendo substância análoga concentrada, vulgarmente conhecida como haxixe. Os invólucros pesavam 7,150 kg.

Ela informou que receberia R$ 1.000,00 pelo transporte da substância entorpecente até a cidade de Assis Chateaubriand. No Pelotão da PM, ela informou aos policiais que teria pego o táxi na rodoviária da cidade de Guaíra e seguiria destino até a rodoviária da cidade de Assis Chateaubriand e que lá alguém entraria em contato via fone para fazer a entrega da mercadoria.

Diante dos fatos, a substância entorpecente foram encaminhadas a DP local e o taxista foi liberado no local.

Redação Portal Guaíra