Foto: Divulgação/Imagem Ilustrativa
ad

Na noite de ontem (15), por volta das 19h, a PM se deslocou até a Viela Porto União, na Vila Eletrosul, afim de verificar possível violência doméstica.

No local, em contato com a solicitante, ela relatou que casou-se há 02 meses e neste curto período já foi agredida 03 vezes, sendo que há quatro dias eles (casal) estão em casas separadas, pois estão em processo de separação.

Nessa segunda, por volta das 18h40, o marido ligou para a vítima pedindo uma carona, já que trabalham no centro e moram na Vila Eletrosul.

Diante do pedindo, ela aceitou levá-lo até a casa da mãe, porém, no meio do trajeto, o marido a forçou parar o carro e assumiu a direção, conduzindo o veículo em alta velocidade e ao mesmo tempo agredindo-a com socos.

O valentão conduziu o veículo até a estrada do aeroporto, quando nas proximidades da Olaria parou o carro, arrancou a vítima de dentro, arrastou-a para dentro da fábrica de tijolos e saiu com o veículo da vítima – um Renault/Clio de cor prata – tomando rumo ignorado.

A vítima foi socorrida por populares que a levaram para a Vila Eletrosul.

A mulher também relatou que já possui um laudo de lesões corporais elaborado na última sexta feira (12/04/2019) e que hoje (16) irá entregá-lo na Delegacia de Polícia Civil de Guaíra para dar continuidade.

Diante dos fatos a vítima foi devidamente orientada e realizado buscas na tentativa de encontrar o agressor, mas sem êxito até a publicação desta notícia.

Redação Portal Guaíra