PLANTAO-PGA 2.ª Promotoria de Justiça de Guaíra ofereceu denúncia à Justiça, na última semana, contra um jovem de 22 anos pelos crimes de tráfico de drogas, lavagem de dinheiro e por porte de acessórios para arma de fogo. Segundo inquérito policial, o denunciado era responsável pela distribuição de grande quantidade de drogas na região de Maringá, norte do Estado.

Na denúncia, o MP-PR ressaltou que o rapaz ocultou a origem criminosa do dinheiro que recebia através do tráfico, com a compra de imóveis e de um veículo registrado em nome de um terceiro.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Na residência dele, foram apreendidos 380 quilos de maconha, além de uma mira laser e de uma lanterna tática, ambas em suporte próprio para acoplamento em armas de fogo.

A Promotoria requereu, na denúncia, a quebra de sigilo bancário do denunciado e o relatório de suas movimentações financeiras referentes aos anos de 2010 a 2014. O rapaz que não teve o nome divulgado, encontra-se, atualmente, recluso no Setor de Carceragem Temporária (Secat) de Guaíra.

Portal Guaíra com informações do Ministério Público Estadual