A Secretaria de Infraestrutura tem sido bastante requisitada nos últimos meses. Apesar das limitações financeiras, a secretaria está recapeando algumas das principais vias da cidade e acompanhando de perto obras como a reforma do Ginásio de Esportes, construção da UPA, construção do Centro Educacional e a construção da sede do Samu.

Mas, além das obras, outras tarefas fazem parte do dia a dia da secretaria.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Um dos trabalhos mais visíveis é o de sinalização de trânsito. Importante para a segurança de motoristas e pedestres, a sinalização horizontal também deixa a cidade muito mais bonita. Os trabalhos estão sendo executados em duas frentes: com a equipe de servidores da prefeitura e com uma empresa terceirizada.

A empresa vencedora da licitação (pregão 64/2015) para a sinalização horizontal é a Incovia, de Maringá. Ela foi a responsável pela pintura de ruas importantes como a Oswaldo Cruz, Ministro Gabriel Passos e Shingiro Matsuyama. Ela também foi a responsável por fazer a pintura da avenida Almirante Tamandaré, que dá acesso à ponte Ayrton Senna. Todas elas ganharam faixas contínuas, faixas de pedestre, faixas de divisão de pista e sinalização de lombada.

“Estamos fazendo o trabalho nas vias de maior fluxo e que estão com o asfalto mais preservado. Ás vezes esperamos o pessoal da recuperação asfáltica realizar um recapeamento para depois pintarmos. Esse trabalho é importante, porque além de dar mais segurança acaba embelezando a cidade”, ressalta Luis Ferroquina.

Outro via contemplada foi a avenida Thomaz Luiz Zeballos, incluindo a praça Duque de Caxias. “O estacionamento da praça ganhou pintura, com vagas reservadas a cadeirantes, tudo dentro do que diz a legislação”, afirmou.

Além da sinalização horizontal, o trabalho também contempla a sinalização vertical, com a instalação de placas.

Ao todo, são 820 novas placas, sendo que 650 já foram instaladas, num investimento de aproximadamente 88 mil reais.

A empresa responsável pelo fornecimento das placas é a Bulmarplac (pregão presencial 64/2015), também de Maringá.

Segundo Ferroquina, o trabalho de substituição e instalação das placas priorizou as escolas municipais e colégios estaduais.

Todas as escolas, aliás, ganharam travessia elevada e pintura, além das placas. “Hoje, Guaíra está dentro dos padrões e os alunos acabam tendo muito mais segurança. Levamos isso a todas as escolas municipais e também aos colégios estaduais”, revela.

As placas substituídas e em condições de uso serão instaladas também em bairros mais distantes do centro. “Optamos por uma troca completa nas principais avenidas e ruas da cidade, mas não vamos deixar de atender os bairros. Sabemos que muitas placas podem ser reutilizadas e vamos instalá-las nesses bairros que precisam de sinalização”.

Alguns bairros, aliás, também estão sendo contemplados. Depois do Jardim Guaíra, está sendo sinalizado também o bairro São José.

A intervenção não passou despercebida. “A parte sinalizada aqui no São José ficou realmente muito boa. Tem rampa para cadeirantes, sinalização preventiva, tudo dentro dos padrões. Tanto que a gente sempre leva nossos alunos nessa parte, mostrando a eles uma sinalização padrão, segura. Realmente muito bom”, comentou Manger, proprietário de uma Autoescola.

MUNICIPIO-DE-GUAIRA-SINALIZACAO-FAIXAS

MUNICIPIO-DE-GUAIRA-SINALIZACAO-FAIXAS-2

MUNICIPIO-DE-GUAIRA-SINALIZACAO-FAIXAS-3

MUNICIPIO-DE-GUAIRA-SINALIZACAO-FAIXAS-4

Portal Guaíra via Assessoria