O Município de Guaíra, por meio da Secretaria de Saúde, alerta sobre a importância de manter o cadastro municipal atualizado. A atenção é solicitada a todos os munícipes, especialmente as pessoas acima de 18 anos, devido à campanha de imunização contra o coronavírus.

Conforme, notícia veiculada nesta semana, o Paraná adquiriu um lote especial de vacinas contra a COVID-19 para acelerar a vacinação da população geral de 18 anos mais. Diante disso, a Secretaria Municipal de saúde de Guaíra, vem a público orientar e chamar a população a fazer o seu cadastro ou atualizar, antes da chegada das vacinas.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Segundo o Diretor de Sistemas de Informação, Emiliano O. de Souza, fatores como a mudança de endereço, número de telefone, inexistência do cartão SUS, entre outros, geram o bloqueio do cadastro municipal já efetuado. Por isso a importância de que o cidadão procure a Unidade de Saúde para atualizar seus dados e desbloquear o cadastro.

De acordo com o servidor Julio Nascimento, munícipe deve procurar a Unidade de Saúde do seu respectivo bairro para fazer a atualização cadastral, e caso não possua o registro, precisa comparecer à Unidade Central de Saúde, para cadastrar-se.

Os documentos necessários são:

-RG ou RNE (ou protocolo provisório expedido pela Polícia Federal);
-CPF;
-Comprovante de residência atualizado no nome do cidadão;
-Cartão SUS.

Vale ressaltar que esse cadastro irá gerar o cartão cidadão municipal, no entanto, as pessoas que já possuem o cartão em mãos precisam atentar-se quanto a regularidade do cadastro.

O Secretário de Saúde, Marcos Rigolon, ressalta a importância de que esses cadastros sejam regularizados quanto antes. “Estamos oferecendo um trabalho de mutirão para que as pessoas possam ter seus cadastros realizados ou atualizados antes da chegada desse lote. A população precisa entender que não é possível vacinar sem o que o cadastro esteja efetivado e/ ou atualizado. É um requisito primordial e indispensável. Pedimos que não deixe para a última hora, os lotes de vacinas continuam escalonados e tendo o cadastro, as pessoas podem garantir a imunização.”

Fique atento. Na dúvida, se já possui o cadastro ou se está desatualizado, procure a Unidade Básica de Saúde do seu bairro ou a Unidade Central, no setor de cadastros, e verifique a situação do seu registro. O que não pode é ficar sem a vacina por falta de um cadastro que, além da imunização contra o COVID-19, abre portas para todos os serviços ofertados pelo SUS.

Portal Guaíra via Assessoria