Na noite de sábado (12), uma equipe de Policiais Militares foi chamada para dar apoio a outros policiais, pois haviam abordado um homem que teria feito disparos de arma de fogo em via pública, no centro da cidade.

Segundo relatos, o acusado dos disparos teria chamado um funcionário de uma lanchonete para lhe mostrar “algo” que estava no carro. Ao chegar, o homem pegou um revólver, colocou na cintura e, ainda, mostrou uma espingarda que estava embaixo do banco do veículo.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Em seguida, o acusado saiu em direção a lanchonete e disparou para cima, momento em que policiais, que estavam de folga, ouviram o estampido e viram quando o homem colocou a arma na cintura.

Neste momento, os policiais fizeram a abordagem e imobilizaram o homem até a chegada da equipe da PM que estava de serviço.

As armas, sendo o revólver calibre 38 que estava na cintura e uma espingarda escopeta calibre 12 que se encontrava no carro, foram apreendidas e juntamente com o preso encaminhados para a Polícia Civil.

Redação Portal Guaíra