ad

Na madrugada de hoje (27), por volta das 04h30, uma equipe de Policiais Militares foi solicitada a comparecer em uma residência localizada no Bairro Parque Hortência, onde um rapaz estaria quebrando objetos de uma casa.

Ao chegar no local os Militares observaram que o suspeito estava com um tijolo em mãos e fazendo menção em jogá-lo em direção a sua mãe que estava saindo de um veículo.

De imediato os PMs deram ordem para que o homem soltasse o objeto, e foram acatados. Mas o rapaz identificado como filho da solicitante, 31 anos, dependente químico de álcool, maconha e cocaína (segundo sua mãe), passou a xingá-la com palavrões [o Portal Guaíra preferiu, em respeito a senhora, não reproduzir o xingamento].

A mãe contou aos policiais que o filho a ameaçou dizendo que iria atear fogo na casa com ela dentro, sendo que ao ouvir a mãe relatando, ele retrucou “eu disse que vou botar fogo é porque vou”, e adentrou a moradia indo em direção ao fogão a gás, mas acabou contido pela equipe policial. A mulher ainda confessou ter medo que o filho venha a provocar algo terrível contra ela.

No boletim de ocorrências (BO) ficou registrado que esta foi a primeira vez que o rapaz quebrou objetos na casa, porém, que outras brigas e desentendimentos já haviam ocorrido, e que desta vez a mãe desejava representar contra o filho.

Diante dos fatos, genitora e filho foram conduzidos até a Delegacia de Polícia Civil para as tomadas de providências.

Redação Portal Guaíra


CLINICA SALUTAR