ad

[dropcap color=”#1e73be”]A[/dropcap] Festa das Nações é uma grande vitrine sociocultural de Guaíra há 41 anos.

Por ser o maior evento da cidade, é ali que toda a sociedade guairense demonstra suas maiores qualidades, seja pelo espírito de solidariedade ou pela receptividade, além do talento artístico e gastronômico de sua gente.

A aposta agora também está na exposição do potencial econômico dos guairenses. Há 3 anos a Festa da bovinocultura de leite, uma atração à parte dentro da programação oficial.

Outra grande exposição é a comercial, industrial e de serviços, que agrega ainda mais valor à festa.

O objetivo, segundo o prefeito Heraldo Trento, é criar um ambiente de negócios em Guaíra. “A minha gestão tem um compromisso com o fomento ao empreendedorismo. Isto em todos os níveis e permanentemente. É evidente que a Festa das Nações não pode ficar de fora desse contexto. Apoiamos e queremos ampliar sempre essas exposições, que valorizam a nossa economia e agregam ainda mais valor à festa”, explica.

A ExpoGuaíra é a junção destas duas propostas: A Fronteira do Leite e a Exposição da Indústria, Comércio e Serviços de Guaíra.

A estrutura que vai abrigar essa exposição já está quase concluída. Na Fronteira do Leite, são 34 vacas, gado de corte e 75 bezerros que estarão expostos e a programação ainda inclui o concurso delícias do leite e o torneio de ordenha. A Fronteira do Leite conta com palco cultural, onde inclusive será transmitido o festival do programa Modão do Brasil na quinta-feira, a partir das 20h.

Já a Exposição do Comércio, Indústria e Serviços estará disponível a partir de sexta, 28, data de abertura da Festa das Nações, com show do Cidade Negra no palco principal. Ao todo, serão 26 estandes.

Portal Guaíra via Assessoria


ad