ad

Um caso de latrocínio – roubo seguido de morte – aconteceu nessa segunda-feira (9), por volta das 16h, em Guaíra.

Segundo informações, dois rapazes usando capacete, armados, adentraram a empresa Barbosa Materiais de Construção, localizada na Av. Cel. Otávio Tosta, e anunciaram o assalto.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Um funcionário que estava na empresa – no momento da chegada dos assaltantes – levou duas coronhadas, mesmo sem reagir.

Nesse momento, os elementos seguiram direto para o escritório da empresa onde se encontrava o proprietário Eliaurio Caovilla, conhecido por “Maninho” e pediram o dinheiro.

Sem reagir, a vítima  entregou o dinheiro que havia na gaveta, mas os assaltantes pediram mais.

Nervosos, um dos rapazes atirou no peito (coração) da vítima que caiu no chão, ainda com vida.

O SAMU foi chamado e rapidamente chegou ao local, onde ainda tentou reanimar Maninho, porém, ele já havia entrado em óbito.

A filha da vítima acompanhou toda a ação dos assaltantes de perto e viu o pai ser assassinado.

Em posse de uma moto Honda/CG Titan, cor vermelha, os rapazes fugiram, sendo que a Policia Militar iniciou diligencias na tentativa de encontrar os supostos assassinos. Porém, sem êxito até o momento.

Uma multidão de pessoas acompanhou toda a movimentação na empresa e, na saída do corpo para ser levado até o IML, a indignação era visível no rosto de cada guairense.

As pessoas gritavam por “justiça” e perguntavam “até quando Guaíra continuará deste jeito?”.

O corpo de Eliaurio Caovilla está sendo velado no Salão dos Navegantes e será sepultado às 17h.

barbosa2

barbosa

Redação Portal Guaíra