ad

[dropcap color=”#dd9933″]C[/dropcap]oordenadores escolares, membros da Secretaria de Educação e equipe técnica da Educação Especial estiveram reunidos na manhã de ontem (14) para discutir as novas diretrizes para a educação inclusiva em Guaíra.

A análise coletiva sobre o tema previu ações de curto, médio e longo prazo.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

“Priorizamos uma gestão participativa, voltada às inovações, mecanismos de avaliações e intervenções, estratégias e formas de triagem para um melhor desempenho nas abordagens da educação especial. É importante apresentarmos propostas, ouvirmos os especialistas e também os coordenadores escolares. O diálogo é o caminho, sempre”, destacou a secretária Franciele Danelon.

A Psicopedagoga Elianara Falci,  coordenadora de educação especial concorda. “A educação inclusiva se dá com o envolvimento de toda equipe escolar. Precisamos estar disponíveis, abertos na busca de um bom relacionamento na rotina das crianças com necessidades educacionais especiais”, disse.

A reunião tomou quase toda a manhã. O olhar para a educação inclusiva ganhou status de prioridade dentro da secretaria.

Projetos pedagógicos estão sendo desenvolvidos e a equipe da Secretaria conta com coordenação para o tema, bem como com psicopedagogas e psicóloga.

Portal Guaíra via Assessoria