ad

Durante Operação Fronteira IV na tarde de sábado (14), Policiais Militares de Guaíra/PR, avistaram um rapaz em atitude suspeita e resolveram fazer abordagem.

Em entrevista com o cidadão, ele informou ser Juliano Pereira de Souza, nome que gerou mais desconfiança aos PMs, por ter quase certeza que se tratava de um foragido do SECAT local.

Ao solicitar um documento de identificação, o rapaz disse não portar no momento. Foi quando os Militares decidiram encaminha-lo até a Policia Civil para averiguações.

Ao ser atendido na Delegacia, foi consultado o sistema Sesp/Intranet, onde não foi localizado o suposto nome, inclusive a data de nascimento e o nome da mãe não conferiam, mas ele seguia afirmando que o nome era Juliano.

Foi quando o Policial Civil de plantão fez uma consulta no álbum de fotos de foragidos e confirmou que o rapaz é Marcio Alves de Oliveira. Ele havia fugido da Cadeia Pública de Guaíra, em 13 de outubro do ano passado.

Diante dos fatos, o foragido foi reconduzido à carceragem onde aguarda os procedimentos previstos em lei.

marcio-alves-de-oliveira
Marcio tentou despistar os PMs apresentando nome de Juliano

Redação Portal Guaíra


CLINICA SALUTAR