Na manhã desta sexta-feira (27), por volta das 10h30, duas mulheres foram flagradas tentando entrar na cadeia pública de Guaíra, com celulares escondidos nas genitálias. Elas tem 38 e 21 anos de idade.

Segundo informações dos investigadores de plantão, a mulher de 21 anos, ao ser revistada para então poder visitar o marido que se encontra preso, foram localizados em sua vagina: um aparelho celular com chip da operadora Vivo e um cartão de memória de 8GB. Ela contou que tem medo do marido, pois ele é muito violento e já tem histórico de agressão, por isso estaria levando o aparelho para ele.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Já com a mulher de 38 anos, durante revista íntima, foi encontrado em sua genitália: um aparelho celular, um cabo de carregador e um fone de ouvido. Ela também revelou que seriam entregues ao marido. Porém, ao realizar consulta no sistema, foi encontrado Mandado de Prisão em aberto em seu desfavor, expedido pela Vara de Execuções Penais de Cruzeiro do Oeste.

Diante dos fatos, as mulheres ficaram detidas e os objetos apreendidos.

A Polícia Civil deve apurar a cumplicidade dos presos nos casos citados.

Redação Portal Guaíra